12/06/2023 às 18h25min - Atualizada em 12/06/2023 às 18h25min

Câmara aprova projeto do Patrimônio Vivo para artistas do folclore de Maceió

Projeto encaminhado pelo Executivo foi aprovado por unanimidade no plenário

CMM
CMM

Os artistas alagoanos que fazem cultura regional foram agraciados com a aprovação pela Câmara de Vereadores do Projeto do Poder Executivo que insitui o Patrimônio Vivo do Município de Maceió. A sessão presidida pelo vereador Galba Netto (MDB) fez o reconhecimento à história de vida dos mestres que se dedicam dia e noite para não deixarem a memória cultural desaparecer.

A matéria entrou em pauta a pedido do vereador Lonardo Dias (PL). Durante sua tramitação legislativa foi ele quem acompanhou todos os detalhes de sua apreciação nas comissões téncnicas. Ao falar sobre sua importância lembrou que é neto de um entusiasta pelo folclore e que sempre se preocupou com o fim de algumas manifestações quando ainda residia no estado de Sergipe.  

 "Sempre vi com preocupação a morte dos folguedos e dos grupos folclóricos. Alagoas é o maior celeiro de manifestções artísticas. E muitas dessas manifestações estão ameaçadas pelo envelhecimento dos nossos mestres e o desinteresse dos jovens. A lei vai ser um auxílio para eles, para dar um amparo a eles e às manifestações", disse Leonardo.

Dias também citou o secretário João Hugo Lyra e Cadu Ávila da Fundação Municipal de Cultura de Maceió (FMAC) que foram enstusiastas da iniciativa. Conforme lembrou o tema era visto como uma das prioridades do órgão.

O vereador Fernando Holanda (MDB) lembrou que foi autor de uma indicação para o Executivo para também fazer o reconhecimento aos artistas que levam a cultura local em seu dia a dia. Ele também reconheceu o empenho do vereador Leonardo Dias (PL) por ter acompanhado o trâmite da matéria para que pudesse ser aprovada . 

"Agradecemos ao prefeito que atendeu nossa indicação. À época fez um evento com o pessoal da cultura antes de encaminhá-lo para a casa. E reconheço o empenho do vereador Léo e do prefeito pelo PL", disse Holanda. 

Para o presidente Galba Netto o projeto é parte do compromisso que a cidade tem demonstrado, na atual gestão, com a cultura. Ele lembrou que o Executivo tem dedicado atenção para o segmento e envolvido outros órgãos. Como exemplo, citou o trabalho de grafitagem feito no prédio da própria Câmara Municipal de Maceió.

"Nós estamos acompanhando estas homenagens, como foram feitas em nossa sede, com a pintura de figuras como Nelson da Rabeca e Nise da Silveira que foram eternizadas com grafitagem em nosso prédio, assim como uma outra feita em homenagem a Djavan aqui no bairro. São iniciativas que ajudam a preservar nosso patrimônio cultural a exemplo deste projeto", destacou Galba.

Galba enfatizou que iniciativas como esta e o empenho para sua aprovação demonstram que a CMM está trabalhando para dar sua contribuição para a preservação da cultura na cidade. O projeto agora segue para a sansão do prefeito JHC (PL).


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
O Fato Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp