O Fato Publicidade 1200x90
29/09/2015 às 01h13min - Atualizada em 29/09/2015 às 01h13min

Estudante de Direito é assaltado e baleado

Estudante protestaram fechando a avenida

O Fato com Cadaminuto

Após o estudante de direito Felipe Carlos dos Santos ser baleado, na noite desta segunda-feira (28), durante uma tentativa de assalto num ponto de ônibus, em frente à faculdade que estuda, a Facima, universitários bloquearam, em protesto contra a violência, que está instalada na região, a Avenida Fernandes Lima, no sentido Centro/Tabuleiro. 

Os manifestantes, que atearam fogo em pneus e galhos, deixando o trânsito completamente parado, cobram que o policiamento da região seja reforçado, uma vez que crimes estão acontecendo todos os dias..

De acordo com Luana Tenório, só esta noite três assaltos foram registrados. “Estamos apavorados. Muitos universitários trancaram o curso, por conta da criminalidade. Nós precisamos de uma resposta do Governo do Estado”, afirma.

Ela apela para que uma guarnição da Polícia Militar fique fixa naquela localidade, principalmente nos horários de aula. “Como aconteceu com o Felipe, poderia ter ocorrido comigo. Arrastões são frequentes”, afirma.

Luana Tenório reforça que a segurança é um direito que está na constituição. “Eu quero que faça valer o que a lei manda”.

Ela espera que os criminosos sejam presos o mais rápido possível. “Esses bandidos precisam pagar pelo o que cometeram”, pontua. 

O protesto foi encerrado após a chegada de equipes de reportagem.

O caso - Dois homens armados, ainda não identificados, assaltaram, na noite desta segunda-feira (28), um coletivo da empresa São Francisco, em Maceió. Após o crime, um estudante do 2° período de Direito foi baleado no peito.

Informações extraoficiais apontam que Felipe se recusou entregar o aparelho celular. “Testemunhas informaram que, com a negativa, o criminoso sacou a arma e efetuou um disparo”, ressaltou um policial.

*colaborador


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
O Fato Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp