23/02/2016 às 19h37min - Atualizada em 23/02/2016 às 19h37min

Moradores sentem terremoto em bairros de Maceió e interior

85 tremores foram registrados pela UFRN em Caruaru e teriam sido sentidos em Alagoas na tarde desta terça-feira (23)

O Fato com Tnh1

Moradores de Maceió, principalmente da parte alta da cidade, relatam ter sentido tremores de terra em diferentes pontos na tarde desta terça-feira (23). No bairro da Serraria, próximo ao supermercado G Barbosa, moradores do 10º andar de um conjunto residencial disseram ter sentido pequenos tremores por volta das 15h40. “Minha esposa estava sentada no sofá e eu estava à mesa do computador quando percebemos pequenos tremores, Foi tudo muito rápido, ficamos com medo e descemos rapidamente”, disse Daniel Cavalcante.

No Conjunto Benedito Bentes, também na parte alta da cidade, moradores de um outro conjunto residencial, também disseram ter sentido os tremores. A assistente social Amanda Aquino disse que por volta das 16h viu a televisão da sala balançar. “Eu moro no 9º andar e fiquei assustada. Comecei a perguntar aos meus vizinhos do 8º andar e eles também confirmaram que sentiram os abalos”, completou.

Há inúmeros relatos nas redes sociais de pessoas que sentiram o terremoto de pequena escala. A professora Luciana Santana disse que sentiu o tremor por volta das 16h em seu prédio na Ponta Verde. "Outros amigos que moram na Ponta Verde relataram que sentiram o tremor também", conta.

O Laboratório Simológico da Univerdade Federal do Rio Grande do Norte (Labis/UFRN) confirmou que terremoto de aproximadamente 3.8 graus de magnitude foi registrado no Agreste de Pernambuco. Outros 85 tremores de pequena intensidade  foram sentidos. De acordo com especialistas, os abalos podem diminuir ou aumentar nos próximos dias.

Segundo apurou o Jornal do Commercio de Pernambuco, o terremoto mais forte também foi sentido em Maragogi. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

77.5%
22.5%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp