26/08/2018 às 13h02min - Atualizada em 26/08/2018 às 13h02min

Advogado acusa Juiz de Abuso de Autoridade

O Fato com Rede Reporte

O advogado Adler Ricardo Marques, procurou a redação do nosso portal de notícias, para revelar que foi vítima de abuso de autoridade praticado pelo magistrado Alexandre Machado de Oliveira- que responde pela titularidade do Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher, em Arapiraca.

A acusação de deu em razão da suposta ameaça praticada por Adler Ricardo durante uma audiência no próprio Juizado de Violência Doméstica, onde Alexandre Machado presidia a audiência de instrução.

O advogado Adler Ricardo Marques revelou ainda que irá representar o Juiz de Direito Alexandre Machado em todas as esferas possíveis, pelo ato arbitrário, e desnecessário cometido pelo Juiz.

O advogado tem a gravação da audiência onde ocorreu o suposto abuso por parte do magistrado(prisão), onde no áudio em que tivemos acesso, em nenhum momento, se configurou algum tipo de crime de ameaça, encaminhamos o áudio, a um especialista em direito penal e processo penal, esse também revelou que a decisão, ao que parece foi teratológica, sem embasamento jurídico.

O Artigo 6º da Lei 4898/65, reza que: “O abuso de autoridade sujeitará o seu autor à sanção administrativa civil e penal”.

Adler Ricardo vem travando uma luta pela regularidade das visitas em relação a sua filha de 11 meses, fruto de seu namoro com Claudjane da Silva, que segundo Ricardo Marques, vem tentando usar a filha para obter vantagens financeiras exorbitantes, além de dificultar o bom relacionamento futuro, entre pai e filha, já que coloca obstáculos na convivência de  Pai e Filha, sabendo que esse seria o ponto fraco de Ricardo, o amor pela sua filhinha.

Claudjane da Silva, ex-namorada de Ricardo

OAB e ACRIMAL

Ricardo Marques ficou de procurar tanto a Ordem dos Advogados do Brasil, quanto a ACRIMAL, para relatar o assunto e tomar as providências necessárias para que o Juiz seja punido pelo abuso que cometeu.

Juiz Alexandre Machado

A nossa redação não conseguiu falar com o magistrado, na tarde de sexta-feira(24), mas colocamos o espaço ao seu inteiro dispor, para escutarmos a sua versão dos fatos, como também a senhora Claudjane da Silva.

Crédito das Fotos: Internet (redes sociais)


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

78.8%
21.2%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...