21/06/2016 às 14h18min - Atualizada em 21/06/2016 às 14h18min

Protesto quer Rogério Farias fora da prefeitura da Barra

O Fato com Gazeta da Barra

A situação política no município da Barra de Santo Antônio, que já andava tensa desde o afastamento do prefeito Rogério Farias no início de abril, agora é crítica. A decisão do presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Washington Luiz, de reconduzir ao poder o prefeito afastado caiu como uma bomba sobre a população.

Rogério Farias tinha sido afastado no início de abril pelo juiz substituto da Comarca de Paripueira, John Silas, que acatou denúncia por crime de improbidade administrativa apresentada pelo Ministério Público e Câmara de Vereadores contra o prefeito.

O retorno do prefeito provocou uma onda de insatisfação principalmente entre os servidores públicos. Um deles, em lágrimas, disse que o inferno estava de volta ao município. “O vice-prefeito Carlos Alexandre estava arrumando a casa depois do estrago. Passamos até cinco meses sem receber salários e a cidade vivia abandonada. Quando tudo parecia que ia melhorar por aqui, vem essa notícia ruim”, desabafou uma antiga funcionária do município, que pediu para não ser identificada.

Manifestação

Na manhã desta terça-feira, vários moradores acamparam na porta do Tribunal de Justiça em Maceió pedindo a revogação da medida tomada pelo presidente da corte Washington Luiz. Lideranças do município estranharam também o afastamento do juiz substituto da Comarca de Paripueira, John Silas, decisão tomada ainda na sexta-feira (17).

O prefeito Rogério Farias, que já tinha sido afastado em três processos anteriores, voltou a ser punido na manhã desta segunda-feira pelo juiz John Silas, que não sabia que já não respondia mais pela Comarca. Foi substituído na sexta-feira (17) pelo juiz Wilamo de Omena Lopes, titular da Comarca de São Luiz do Quitunde, por meio de uma portaria assinada pelo desembargador Washington Luiz.

O protesto deixa claro nas faixas e cartazes que o objetivo é afastar Rogério Farias da prefeitura da Barra de Santo Antônio. “Fora Rogério” e a expressão mais utilizada pelos manifestantes.

Na noite de ontem, um agravo regimental foi apresentado pela advogada Yasmim Maria Alves da Silva, representante do município, pedindo ao pleno do Tribunal que revogue a decisão monocrática do seu presidente, que em um final de semana anulou três liminares que afastavam um prefeito, além de substituir o juiz que vinha conduzindo o caso. A análise deste recurso pode acontecer ainda hoje.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp