13/01/2022 às 13h56min - Atualizada em 13/01/2022 às 13h56min

Alagoas: “Pilar Doce Lar” programa vai beneficiar duas mil casas

ASSESSORIA

Pilar Doce Lar. Este é o projeto por meio do qual a Prefeitura do Pilar vai reformar duas mil unidades habitacionais em toda a cidade. Além de promover melhorias estruturais nas residências, a iniciativa busca, sobretudo, proporcionar qualidade de vida às famílias pilarenses que sonhavam recuperar suas casas.

E os serviços de reparo e manutenção já começaram. Nessa terça-feira (11), o prefeito Renato Filho realizou a entrega de 15 casas cujos serviços, executados pela equipe de arquitetos e engenheiros da Secretaria Municipal de Governo, já foram concluídos.

Secretário de Governo, Paulo Santos explica que o projeto – cuja meta é alcançar duas mil casas – nasceu com o objetivo de atender aqueles que mais necessitam.

 
 

E os serviços de reparo e manutenção já começaram. Nessa terça-feira (11), o prefeito Renato Filho realizou a entrega de 15 casas cujos serviços, executados pela equipe de arquitetos e engenheiros da Secretaria Municipal de Governo, já foram concluídos.

Secretário de Governo, Paulo Santos explica que o projeto – cuja meta é alcançar duas mil casas – nasceu com o objetivo de atender aqueles que mais necessitam.

“Esta é mais uma ação do programa Avança Mais Pilar. Com ela, estamos não apenas reformando casas que se encontravam em situação precária, mas também realizando o sonho de famílias inteiras que viviam, por vezes, em um ambiente insalubre”, afirma o secretário, que destaca, ainda, os critérios do Pilar Doce Lar.

“O programa leva em consideração o perfil de cada morador que nos solicita o reparo ou reforma. Nossa equipe realiza uma visita técnica no local, avaliando as necessidades de cada moradia para, então, avalizar a importância das intervenções, que vão desde a reforma de uma cozinha à construção do primeiro banheiro”, emenda Santos.

O prefeito Renato Filho, por sua vez, ressalta o alcance do projeto que já muda, para melhor, localidades até pouco tempo conhecidas pelo abandono, a exemplo do bairro Santa Luzia.

“O bem físico mais precioso que nós temos é o nosso lar. É por isso que, além de reformar as casas dessas pessoas, levamos também iluminação pública, asfalto, entre outras benfeitorias. Mais que garantir uma moradia digna, o nosso objetivo é melhorar a vida das pessoas e, com isso, promover a verdadeira transformação social”, avalia o prefeito, que já assinou ordem de serviço para reforma de mais 40 casas.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

80.9%
19.1%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp