O Fato Publicidade 1200x90
18/11/2021 às 23h08min - Atualizada em 18/11/2021 às 23h08min

Coordenadora da campanha de Moro é bolsonarista arrependida e acusada de corrupção

Ficha corrida de ilícitos dos quais Dayane Pimentel foi acusada é longa. Ela é tratada por Eduardo Bolsonaro como "traidora nível hard”

247

Revista Fórum - O ex-juiz Sergio Moro colocou como coordenadora de sua pré-campanha à Presidência a deputada federal Dayane Pimentel (PSL-BA), acusada em 2019 pelo vereador David Salomão, do PRTB de Vitória da Conquista (BA), entre outras coisas, de ter desviado R$ 483 mil da verba partidária para sua campanha, ficando ela com a maior parte do dinheiro.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp