04/05/2021 às 01h12min - Atualizada em 04/05/2021 às 01h12min

Vereador Kelmann Vieira assumirá Secretaria de Estado

No último pleito foi eleito com 8.522, sendo o terceiro mais votado da capital.

O Fato com Agência de Notícias

O ex-presidente da Câmara de Vereadores de Maceió, vereador Kelmann Vieira (PODEMOS) será nomeado secretário de Prevenção à Violência (Seprev). O edil vai assumir no lugar de Esvalda Bittencourt, que estava à frente da Seprev desde 2016. A nomeação sai no Diário Oficial do Estado de Alagoas desta terça-feira(4). No último pleito foi eleito com 8.522, sendo o terceiro mais votado da capital.


Natural de Arapiraca (AL), o delegado da Polícia Civil Kelmann Vieira de Oliveira assumiu o seu primeiro mandato em 2013 com um discurso voltado para a área de Segurança Pública. Após receber 8.249 votos em sua primeira campanha eleitoral, o vereador foi reeleito em 2016 com a proposta de ampliar um debate qualificado voltado para a redução da violência, buscando assim minimizar um dos maiores problemas enfrentados pela população em Maceió. Seu ideal é trabalhar intensamente para que o cidadão volte a ter paz nas ruas.

Kelmann foi delegado na Diretoria de Polícia Judiciária da Área 1, diretor do Instituto de Identificação de Alagoas e se destacou na segurança pública ao ser delegado titular em Piranhas, Campo Alegre e São Luís do Quitunde. Antes de ingressar na Polícia Civil, trabalhou como advogado do Detran, logo após ter se formado em Direito pela Universidade Federal de Alagoas.

Além da segurança, o vereador também volta a focar seu mandato nas áreas da Saúde e do Esporte. No biênio 2013/2014 foi eleito 1º secretário da Mesa Diretora da Câmara e no biênio 2015-2016 foi eleito presidente da Câmara Municipal de Maceió. Em 2016, filiou-se ao PSDB. O parlamentar foi eleito para mais um mandato de presidente da Mesa Diretora para o biênio 2017-2018 e 2019-2020.

Filho de Erivaldo Leite de Oliveira e Ginete Vieira de Oliveira, é católico, casado com a deputada estadual, Flávia Cavalcante, e pai de Caroline.





 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

80.0%
20.0%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...