06/04/2021 às 20h35min - Atualizada em 06/04/2021 às 20h35min

Absurdo: Em plena pandemia deputado gasta mais de R$ 133 mil com lubrificantes e combustível

DDD82
Ultrajante o comportamento de alguns parlamentares quando o assunto é racionalização dos gastos públicos em período de quarentena e pandemia.

Dinheiro público deixa de ser “público” quando alguém acha que aquilo - o pertence - e passa a usá-lo como se fosse recurso privado.

Apesar do agravamento da pandemia e as várias fases vermelhas que impuseram uma espécie de “toque de recolher” no estado de Alagoas um deputado estadual nos chamou atenção em razão dos seus altos gastos com combustível, locação de veículos e consultoria.

O dinheiro público desembolsado no ano passado, mesmo quando a Assembleia Legislativa de Alagoas passou a realizar sessões por videoconferência, ao invés de diminuírem  - elevou-se - vale lembrar, que as despesas para reembolso deveriam ser exclusivamente atinentes à atividade parlamentar.

Um dos Campeões de gastos no período de distanciamento social (2020) é o novel deputado estadual Breno Couto de Albuquerque Melo, que consumiu mais de R$ 133 mil, só de combustível. Embora seja muito ativo nas redes sociais, poucas viagens foram divulgadas nesse período, que justificasse um alto consumo de combustível. Breno obteve 26.355 votos na eleição de 2018, nos bastidores corre burburinhos que terá muita dificuldade em reeleger-se.

O parlamentar também usou R$ 133.200 mil para aluguel de veículos e outros R$ 108 mil com empresas de consultoria, o que nos chama atenção são os valores taxativos, no primeiro caso foram exatos R$ 11.100 mil mês a mês, no segundo caso R$ 9 mil mensalmente( jan/dez).

Em plena pandemia no ano passado( 2020) só de combustível, aluguel de veículos e “consultorias” - Breno Albuquerque - torrou mais de 374 mil reais dos cofres públicos.
 
Fica o registro de que o novel deputado foi na contramão do total de gastos de parlamentares na esfera federal com combustíveis, que caiu 38% entre 2019 e 2020. 
 
Esse e outros serviços contrastam com o isolamento pretendido pela Mesa Diretora da Assembleia ao determinar uma "quarentena" para a sede do Legislativo, em Alagoas, em 2020. O ato que restringiu a circulação de parlamentares e funcionários na sede do Legislativo.

Além das medidas adotadas pela Assembleia, vários governos municipais decretaram regras de quarentena, em muitos lugares rígidas durante a pandemia, pedindo que a população evitasse circular. 

Volta ao mundo

Para calcular quanto o dinheiro gasto pelo deputado representa em quilômetros rodados, o DDD82 considerou o uso de um veículo Gol 1.0, que tem capacidade para percorrer 10,1 km por litro de álcool na estrada, segundo tabela do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia).

O valor do combustível utilizado no cálculo foi a média nacional do preço do etanol de R$ 2,78 por litro, segundo a ANP (Agência Nacional do Petróleo). A conta considerou ainda o tamanho da circunferência da Terra na Linha do Equador - 40.075 km.

Apenas com combustível, o gasto superou R$ 133 mil, o suficiente para abastecer um carro popular com combustível para dar 13 voltas na circunferência da terra.

Maceió/Arapiraca

O deputado poderia ter viajado 3.644 vezes para Arapiraca, durante o ano, ou seja, ele precisaria fazer 10 vezes todos os dias esse percurso durante o ano - sem recesso, sábados, domingos ou feriados- faça chuva, faça sol.

Para Não Esquecermos

A pandemia de Covid-19 no Brasil teve início em 26 de fevereiro de 2020, após a confirmação de que um homem de 61 anos de São Paulo, que retornou da Itália, testou positivo para o SARS-CoV-2, causador do vírus.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

80.5%
19.5%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...