21/05/2020 às 00h14min - Atualizada em 21/05/2020 às 00h14min

Escândalo:JHC engana população com suposto ‘Advogado Falso’

Suposto Advogado consta no Google ue passou apenas da primeira fase da OAB , entidades irão pedir investigação do caso

A Redação
O Fato
Youtube e Internet
 O Fato recebeu denúncias com pedido de segredo de imprensa que um suposto Assessor do Deputado Federal e Pré-candidato a Prefeitura de Maceió, João Henrique Caldas (JHC), com o nome de Luiz Rogério Neves Lima, mais conhecido como Dr. Rogério, se passa por um suposto advogado e engana população, ele é coordenador do programa Rota dos precatórios (do JHC) e também do programa (eu preciso de orientação) sobre o coronavírus.Segundo informações e o site abaixo Rogério Lima não tem OAB, e não terminou a Faculdade de Direito.
 Nesse site https://cna.oab.org.br/ você pode conferir que ele não tem OAB (Rogério Neves Lima).

Veja o vídeo que revela a farsa:
 No minuto 14:40 o apresentador chama Rogerio de Advogado, o mesmo entra no programa e não faz nenhuma correção, se passa por Advogado, ele continua com a farça. Obs: Após essa denúncia o vídeo foi retirado do ar pelos envolvidos.
O MCCE-AL(Movimento de Combate a Corrupção Eleitoral de Alagoas) e o Movimento Nacional dos Caras Pintadas irão entrar com representações dessa suposta fraude na OAB(Ordem dos Advogados do Brasil). Polícia Federal, Ministério Público Federal e na Comissão de Ética da Câmara dos Deputados em Brasília. Fernando CPI , Coordenador em Alagoas do MCCE em conversa com a equipe do "O Fato" , falou que não irá permitir que o povo de Alagoas sejam iludidos com essa farsa e espera que as instituições tomem as devidas providências que o caso requer e investiquem a veracidade da denúncia. Raudrin de Lima Coordenador Nacional do Movimento Caras Pintadas, revelou ao "O Fato", que caso seja comprovado tal denúncia, irá em Brasília denúnciar ao conselho de ética da Câmara dos Deputados, além de entregar o dosiê a imprensa nacional para que esse tipo de atitudes inescrupulosas não fiquem impune. Pois na pesquisa no Google só consta aprovação da OAB da primeira fase do suposto Advogado.
JHC tem o histórico familiar com seu Pai o ex Deputado Federal João Caldas
onde o juiz Paulo César Alves Sodré, da 7ª Vara de Cuiabá, condenou o ex-deputado federal João Caldas da Silva a dois anos e nove meses de reclusão, além de 87 dias-multa em regime aberto por suposta propina de R$ 6 mil em 2002, em sua conta bancária, no escândalo que ficou conhecido como Máfia das Sanguessugas. Ele, no entanto, foi absolvido da acusação de receber R$ 50 mil em vantagens indevidas. A sentença foi convertida em penas restritivas de direito.
A Máfia das Sanguessugas foi descoberta em 2006 pelo Ministério Público Federal, que apontou suposta fraude a licitações para compra de ambulâncias com recursos de emendas parlamentares. No processo, Caldas foi acusado de ter proposto 19 emendas beneficiando prefeituras alagoanas, que resultou em 37 convênios no valor de R$ 3.617 376,00, dos quais 27 teriam sido realizados procedimentos licitatórios que não seguiram a Lei nº 8.666/93, e tiveram como vencedores empresas envolvidas com o grupo Vedoin. JHC durante a gestão do ex Deputado Federal Eduardo, Cunha como Presidente da Câmara dos Deputados, hoje condenado por corrupção, JHC foi fiel aliado de Eduardo Cunha.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

80.5%
19.5%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...