10/02/2020 às 18h15min - Atualizada em 10/02/2020 às 18h15min

MCCE-AL e Caras Pintadas pedem abertura de Comissão Especial de Inquérito sobre abusos da Equatorial na Câmara de Vereadores de Maceió

A Redação
O Fato
O Fato
Na manhã desta segunda-feira dia  10 de fevereiro de 2020, o Movimento de Combate a Corrupção Eleitoral em Alagoas que tem como Coordenador Geral, Fernando Cpi e o Movimento Nacional dos Caras Pintadas que tem como Coordenador Nacional, Raudrin de Lima, deu entrada no protocolo da Câmara Municipal de Maceió um pedido de criação de uma Comissão Especial de Inquérito(CEI) , que tem como alvo a “Equatorial”, que vem detentora de várias reclamações dos usuários com supostos atos ilícitos entre eles:

1 – A PESSIMA QUALIDADE DOS SERVIÇOS OFERECIDOS.

2 – COBRANÇAS INDEVIDAS SEM O DEVIDO AMPARO LEGAL.

3 – CORTES DE ENERGIA ABUSIVOS FERINDO A LEGISLAÇAO VIGENTE DA ANEEL.

4 – FUNCIONÁRIOS SENDO USADOS COMO VERDADEIROS CAPITÃES DO MATO,NA SUA GRANDE MAIORIA REVOLTADOS COM A EMPRESA DA FORMA COMO SÃO MANIPULADOS A TRATAR OS USUARIOS,ARRISCANDO SUAS VIDAS,PELA FORMA TRUCULENTA QUE A EMPRESA EXIGI NO TRATAMENTO AOS USUARIOS,COM METAS DIARIAS DE CORTE DE ENERGIA DE 25 USUARIOS DIARIOS.

O MCCE-AL e o Movimento Caras Pintadas estão preparando uma agenda de mobilizações e assembleia geral para mobilizar a população contra os supostos abusos acometidos pela “Equatorial”, levando a radicalização em várias comunidades que não suporta mais tantos atos abusivos por parte da empresa de energia, quem termina pagando colocando sua vidas em riscos são os funcionários que não tem nenhum apoio por parte da Equatorial de informações das crises existentes entre os usuários e a sádica Equatorial.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

81.0%
19.0%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp