O Fato Publicidade 1200x90
24/09/2015 às 00h17min - Atualizada em 24/09/2015 às 00h17min

JUSTIÇA PROIBE RAFAEL ILHA EX POLEGAR DE PARTICIPAR DA FAZENDA

DAVID HERNANDES - Blogueiro

A Record estreou nessa terça a oitava edição da Fazenda. Com poucos rostos  famosos, de conhecidos só Amaral, Mara Maravilha e Ovelha. Como apresentador um Roberto Justus meio que perdido tão quanto Britto Junior .

Com audiência em torno de 15 pontos garantiu para a emissora o segundo lugar. Mas o grande fato que chamou atenção Foi o ex polegar Rafael Ilha ter sido proibido por uma decisão judicial de entrar no reality show. O juiz alegou que o artista cumpre pena alternativa em razão de uma condenação do passado, não podendo assim ficar confinado por tanto tempo.  A conturbada trajetória de Rafael, profundamente influenciada pela dependência química. Aos 9 anos, ele começou a trabalhar como garoto-propaganda de grandes marcas, como Neston e Bic. Aos 12 anos, estreou no grupo Garotos da Cidade e depois no Polegar. Nessa época, já cheirava benzina. Em 1990, quando o grupo estourou com o rock dúbio “Dá pra Mim”, ele havia experimentado maconha e cocaína. As drogas, aliás, colocaram um fim no namoro com a atriz Cristiana Oliveira, 11 anos mais velha do que ele, o que causou muita polêmica na época. Procurada por QUEM, ela não quis se pronunciar. 
A primeira internação foi quando Rafael ainda fazia parte do Polegar. Ao todo, passou por mais de 20 clínicas de reabilitação – de centros que prometiam exorcizar seu demônio interior com orações a instituições de abordagem mais liberal, nas quais era possível consumir drogas de forma controlada. Em 1998, após fugir de um hospital psiquiátrico, foi morar na rua, embaixo de viadutos. Acabou preso depois de roubar um vale-transporte e uma nota de 1 real de uma balconista, na Zona Sul de São Paulo. 

Em 2000, teve surto durante uma internação e engoliu uma pilha, três isqueiros e uma caneta esferográfica Bic – foi preciso fazer uma cirurgia. De lá para cá, já foi preso por porte de cocaína, direção perigosa, porte ilegal de arma, roubo e por perseguir um ex-interno de uma de suas clínicas.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
O Fato Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp