25/09/2018 às 00h58min - Atualizada em 25/09/2018 às 00h58min

Fundamentalistas de Bolsonaro voltam a atacar defensor público e Candidata a Deputada Estadual

O Fato com Reporte Nordeste
Internet

Seguidores do candidato Jair Bolsonaro (PTC), defensor da Escola Livre- que levaria professores alagoanos até para a prisão, caso eles se posicionassem sobre política ou religião em sala de aula- voltaram a atacar o defensor público Othoniel Pinheiro, que, junto ao Sinteal, derrubaram, na Justiça, a execução da lei em Alagoas.

A ideia é criminalizar o defensor, candidato a deputado estadual pelo PT, despertando a ira das milícias bolsonarianas espalhadas pelas ruas.

Pinheiro tem chances na disputa a estadual. É cotado para assumir a primeira ou segunda vaga na coligação com o PV e o PC do B, que inclui o ex-reitor da Uneal, Jairo Campos, e o vereador Sílvio Camelo.Além de Pinheiro, também foi apedrejado o carro da Deputada Estadual do PT Thaty Nicacio, no bairro do Jaraguá.

Militantes do partido dos Trabalhadores solicitam nas redes sociais que o Presidente Estadual do PT, Ricardo Barbosa,  coordenacão da campanha de Haddad em Alagoas, precisa solicitar urgentemente uma audiência com o Secretário de Seguranca Pública, para tratar da violência politica nas eleições deste ano, inclusive envolvendo supostos policiais. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

79.0%
21.0%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...