30/08/2018 às 22h59min - Atualizada em 30/08/2018 às 22h59min

FRACASSO E IMPOPULARIDADE MARCA CAMPANHA COLLORIDA

A Redação
O Fato
GRUPOS DE WHATSAAP
A impopularidade do ex Presidente impeachmado e atual Senador Fernando Collor de Mello, vem visível e desmoralizante aonde Collor passa vai esvaziando o povo. Várias imagens vêm rondando as redes sociais de carreatas esvaziadas e comícios fracassado. O seu passado não sai da memória da população, confisco da poupança, a morte estranha de seu tesoureiro de campanha Paulo Cézar Farias, as denúncias de seu irmão Pedro Collor de Mello, o desabafo da ex primeira dama do Brasil Roseane Collor de Mello que em entrevistas fala que Collor usava na Magia Negra o uso de cadáver e fetos humanos, para prejudicar seus inimigos, seu nome sendo citado na operação Lava Jato. Com esse rosário de um passado comprometedor Collor agoniza na impopularidade e na rejeição popular. Benedito de Lira segue essa saga de ostracismo aonde Collor passa. Mais tudo tem início, meio e fim; como tamanha é sua chaga cospe na boca que te beija e apedreja quem te afaga, foi esse presente de grego que Ruí Palmeira deu ao ex fenômeno populista Fernando Afonso Collor de Mello, uma pá de cal em sua final carreira política.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

80.5%
19.5%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...