01/07/2017 às 02h39min - Atualizada em 01/07/2017 às 02h39min

Ministro Edson Fachin determina a soltura de ex-deputado Rocha Loures

O Fato com Agência JB

Nesta sexta-feira (30), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Edson Fachin mandou soltar o ex-deputado e ex-assessor do presidente Michel Temer Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR).

Loures havia sido preso no começo de junho, após perder o mandato de deputado, como desdobramento das delações de executivos da JBS.

O ex-deputados foi flagrado em filmagem da Polícia Federal recebendo de um executivo da empresa uma mala com R$ 500 mil que, segundo os investigadores da Lava Jato, era dinheiro de propina.

Quando Rocha Loures foi preso, Fachin havia atendido a um pedido feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Segundo o procurador, a prisão de Loures era “imprescindível para a garantia da ordem pública e da instrução criminal”.

Ex-deputado Rocha Loures foi solto por determinação de Edson Fachin

Ex-deputado Rocha Loures foi solto por determinação de Edson Fachin

Ex-deputado Rocha Loures foi solto por determinação de Edson Fachin

Fachin impôs restrições a Loures: deverá ficar em recolhimento domiciliar noturno, das 20 horas às 6 horas, e nos fins de semana e feriados. Ele será fiscalizado por monitoração eletrônica, está proibido de manter contato com investigados, réus e testemunhas do caso no qual responde a inquérito. Loures também não poderá deixar o país e terá de entregar seu passaporte. O ex-assessor terá ainda de comparecer em juízo quando for solicitado, informar suas atividades e manter endereço atualizado.


Link
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

79.2%
20.8%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...