05/04/2017 às 17h10min - Atualizada em 05/04/2017 às 17h10min

Após cura Ronaldo Esper revela como era dificil ser gay

DAVID HERNANDES - Radialista e Blogueiro

O estilista Ronaldo Esper esteve ontem no programa religioso “Fale que eu te Escuto” para falar mais uma vez sobre sua cura gay.

Segundo Ronaldo, deixou a pratica gay após se converter a igreja Universal, que seu inferno começou ainda criança quando um padre tentou beija-lo e que se tornou gay devido uma maldição de uma pessoa que convivia com sua família.

Dentre as inúmeras revelações Ronaldo disse que a vida homossexual é promíscua que o gay além de vive uma vida solitária, anda como se fosse um predador “sempre caçando”.

RELACIONAMENTOS

Ronaldo Esper falou que teve um relacionamento que durou 14 anos e que o homem era casado. Além disso, Esper olhou para câmera dizendo “você que pensa que seu marido tem umas amantes, na realidade ele tem é um amante", que qo Brasil é o segundo paÍs mais bissexuais do mundo”.

Além da entrevista foi mostrado trechos dos inúmeros barracos e confusões envolvendo Ronaldo Esper. Quando foi questionado sobre o suposto roubo dos vasos dentro de um cemitério em SP Ronaldo disse que no dia estava sob efeitos de remédios experimentais e que foi usado pelo diabo

Além das declarações Ronaldo Esper respondeu perguntas de internautas

Algumas respostas das perguntas foram:

Não sou uma pessoa vazia como a maioria dos gays são.

Já pesei em suicídio, assim como a maioria dos gays pensam em se matar por insatisfação e que frequenta a universal há 02 anos.

Não é a primeira vez que a igreja universal usa artistas que após convertidos foram contratados pela Record com o único intuito de fazer marketing e propaganda para IURD.

VEJA A ENTREVISTA NA ÍNTEGRA 

 

 


Link
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

79.4%
20.6%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...