09/03/2017 às 10h00min - Atualizada em 09/03/2017 às 10h00min

Cícero Almeida presta depoimento a juiz do STF sobre esquema da Máfia do Lixo

Outras testemunhas no caso também irão prestar esclarecimentos na Justiça Federal

O Fato com Agência

Um juiz especial enviado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) ouve hoje o depoimento do deputado federal Cícero Almeida (PMDB) sobre o esquema de corrupção, que ficou conhecido no estado como 'A máfia do lixo'. A oitiva está marcada para a tarde desta quinta-feira (09), no prédio da Justiça Federal, no bairro da Serraria. 

O parlamentar foi intimado a prestar depoimento ainda quando estava concorrendo à prefeitura de Maceió, nas eleições do ano passado, mas seu depoimento, e das demais testemunhas, acabou sendo adiado. O relator do processo, o ministro Dias Toffoli designou o juiz Richard Pae Kim para comandar a fase de instrução do processo. 

Cícero Almeida é acusado de participar do esquema que teria desviado R$ 200 milhões da Prefeitura de Maceió, pagos por supostos serviços de coleta de lixo na capital de Alagoas. Além de Cícero Almeida, outros 15 integrantes da gestão do ex-prefeito são acusados de improbidade administrativa pelos desvios de recursos públicos da Máfia do Lixo.

Em novembro de 2010, o Ministério Público entrou com uma ação civil pública sob a acusação de improbidade administrativa contra Cícero, então prefeito de Maceió. Nas investigações foi apontado o desvio de R$ 200 milhões no contratos da limpeza urbana da capital

Para maquiar as irregularidades o grupo teria alegado que o equipamento para a pesagem do lixo estava danificado e como o pagamento era efetuado por quilo recolhido, a pesagem era realizada em outros locais, sempre de forma irregular.

A prefeitura pagava R$ 464 mil à empresa Marquise. Um ano depois, em 2006 Almeida mudou a prestadora dos serviços pela Viva Ambiental, com um contrato de R$ 3,3 milhões mensais para realizar os mesmos serviços.

Cadaminuto


Link
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

80.5%
19.5%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...