07/10/2016 às 13h49min - Atualizada em 07/10/2016 às 13h49min

VÍDEOS: Forte ventania assusta moradores de Maceió; entenda fenômeno

Segundo especialista, vento nordeste é muito comum entre outubro e novembro, na região litorânea

O Fato com Gazetaweb

Uma forte ventania assustou a população de Maceió nessa quinta-feira (6). Internautas fizeram imagens do chamado vento nordeste, que pode atingir uma velocidade de 50 km/h e é muito comum entre os meses de outubro e novembro, principalmente na região litorânea. Muitos moradores observaram árvores e semáforo balançando e grande quantidade de areia na pista da orla de Maceió.  

Em um deles, a ventania balança um dos semáforos da Avenida Josefa de Melo, em Cruz das Almas, e outro mostra árvores se movimentando de forma extrema de um edifício no bairro do Pinheiro. 

 

Ventania balança semáforo na Avenida Josefa de Melo

.

 

De acordo com informações do meteorologista Emanuel Teixeira, da Secretaria do estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), o vento nordeste ocorre devido à formação do sistema de alta pressão, que geram movimentos do vento de cima para baixo em sentido anti-horário.  

A maior incidência do vento nordeste se dá entre os meses de outubro e novembro, atingindo de 20 a 50 km/h. Os picos de rajada acontecem das 10h às 16h (maior aquecimento). Por sua vez, a partir do próximo domingo, a ventania dará uma trégua, porque o sistema de autopressão se afasta da costa e voltam os ventos do leste e sudeste. 

"Desde a semana passada, o vento nordeste se mostra na costa litorânea de Maceió. É um ciclo e pode voltar na próxima semana. Este fenômeno dificulta a formação de nuvens, gerando um calor com o ar seco. Apesar disso, a população pode ficar tranquila, pois não há maiores consequências. O máximo, por exemplo, é a ventania destelhar casas, derrubar árvores e prejudicar a pesca, já que os peixes se afastam da costa após o mar ficar agitado", explicou o meteorologista. 

 

Forte ventania balança árvores de prédio no bairro do Pinheiro

.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

79.8%
20.2%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...