16/09/2016 às 00h59min - Atualizada em 16/09/2016 às 00h59min

Corpo do ator Domingos Montagner é encontrado pelos bombeiros no São Francisco

Ator desapareceu após mergulhar em Canindé do São Francisco; pela manhã, ele gravou cenas em Alagoas

O Fato com Gazetaweb

O corpo do ator Domingos Montagner foi encontrado no final da tarde desta quinta-feira (15), após um trabalho de buscas que envolveu 50 profissionais das áreas de Segurança e Saúde dos estados de Alagoas e Sergipe. Ele desapareceu após mergulhar no rio em Canindé do São Francisco-SE. Pela manhã, o ator gravou cenas da novela 'Velho Chico', da qual é protagonista, em Alagoas. 

 

De acordo com informações do coronel Regnaldo Dórea, do Corpo de Bombeiros de Sergipe, o corpo foi encontrado por mergulhadores a 30 metros de profundidade. Ele estava bem próximo ao local onde desapareceu.

O ator desapareceu depois de ter almoçado e decidido dar um mergulho junto com a atriz Camila Pitanga, com quem atuava na novela. A correnteza teria arrastado Domingos Montagner, que não mais conseguiu voltar para a superfície. 

O corpo do ator será encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Aracaju.

 

Ator estava no auge da carreira

FOTO: O GLOBO

Domingos Montagner 

 

Paulistano, Montagner tinha 54 anos. Ele começou sua carreira artística trabalhando no teatro e em circos. Ele atuou em treze programas de TV, entre séries e novelas, além de nove filmes. Alguns papéis de destaque foram o Capitão Herculano Araújo, de "Cordel Encatado" (2011), e o presidente Paulo Ventura, de "O brado retumbante" (2012).

Ele também chamou a atenção como o Zyah de "Salve Jorge" (2012) e com João Miguel de "Sete Vidas (2015). O ator estava no ar como o Santo de "Velho Chico" (2016).

Montagner conta, em seu site oficial, que iniciou sua carreira no teatro, através do curso de interpretação de Myriam Muniz, e no Circo Escola Picadeiro.

Em 1997, formou o Grupo La Mínima, com Fernando Sampaio. A Noite dos Palhaços Mudos, de 2008, rendeu-lhe o Prêmio Shell de Melhor Ator. Já em 2003, criou o Circo Zanni, do qual foi diretor artístico.

O primeiro papel na TV foi no seriado "Mothern" (2006), do GNT, canal da TV por assinatura. A estreia na Globo foi também em seriados: "Força Tarefa", "A Cura" e "Divã". A primeira novela, "Cordel Encantado", foi em 2011, vindo a estrear no cinema no ano seguinte, com participação no longa "Gonzaga - de Pai Pra Filho", de Breno Silveira.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

77.5%
22.5%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp