02/08/2021 às 16h12min - Atualizada em 02/08/2021 às 16h12min

CHÃ PRETA: Justiça condena ex-Prefeito por distribuição de terrenos e lotes

Audálio Holanda já coleciona várias condenações por Improbidade Administrativa

REDAÇÃO
Internet
      O ex-Prefeito do Município de Chã Preta Audálio de Vasconcelos Holanda, pai do atual prefeito Maurício de Vasconcelos Holanda (MDB) já é um grande colecionador de condenações judiciais por crimes de Improbidade Administrativa. Desde o início deste ano Audálio já sentiu o poder da caneta da Juiza da Comarca de Viçosa Dra. Juliana Batistela Guimarães de Alencar pelos menos 03 (três vezes), sendo esta última condenação devido a realização de doações de terrenos e lotes no Conjunto Residencial Manoel Tenório Cavalcante, parte baixa da cidade.

           Segundo o Ministério Público, na ação judicial nº 0700421-48.2017.8.02.0057, o ex-gestor Audálio Holanda teria realizado de forma ilegal a doação de terrenos a vários correligionários. Os referidos imóveis se encontram localizados em áreas verdes e destinadas a construção de equipamentos públicos, conforme escritura lavrada em cartório. Na Sentença a Magistrada julgou procedente a ação e condenou Audálio à: perda da função pública; ressarcimento do dano causado aos cofres públicos; suspensão dos direitos políticos por 05 (cinco) anos; pagamento de multa e proibição de contratar com o Poder Público.

        O atual Prefeito Maurício Holanda, filho do ex-prefeito também já amarga a condenação por improbidade administrativa no caso do "esquema das gratificações". Nos bastidores já há movimentações de alguns correligionários de Holanda, que buscam ocupar a sucessão na possibilidade de o Tribunal de Justiça de Alagoas manter a inelegibilidade do Chefe do Poder Executivo de Chã Preta.  Novamente o xadrez político local  está se montando, apostas já estão sendo feitas e aos poucos os palanques estão se refazendo. 
Link
Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

79.4%
20.6%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...