18/03/2018 às 10h51min - Atualizada em 18/03/2018 às 10h51min

Petista diz que hoje “pensaria dez vezes” antes de cassar Collor

Coluna do Estadão
Estadão

Após enfrentar o impeachment de Dilma Rousseff e com a proximidade de o ex-presidente Lula ser preso, petistas estão revendo suas posições. Um dos pioneiros do partido, o senador Paulo Paim (RS), diz que hoje “pensaria dez vezes antes de votar” pela cassação de Fernando Collor. O mea-culpa foi feito em aparte a discurso do colega no Senado. “Dou este depoimento por questão de justiça. Votei pelo impeachment, mas a única coisa que fica na cabeça é a tal caminhonete Elba.” Collor emenda: “Uma carroça”. “Uma carroça”, concorda Paim.

Novos amigos. O discurso na última quinta-feira surpreendeu até Collor. Paim encerrou enaltecendo a “firmeza e coragem” do ex-presidente “em se apresentar como candidato” ao Palácio do Planalto.

 

Agora serve. Ex-petista, a senadora Marta Suplicy, hoje no MDB, seguiu elogiando a candidatura de Fernando Collor: “A presença de V. Exa. na disputa vai propiciar um debate de altíssimo nível. É muito bem-vinda. Acho que sim, não é?”, afirmou no plenário.

Link
Tags »
Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

80.2%
19.8%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...