11/09/2017 às 17h36min - Atualizada em 11/09/2017 às 17h36min

Precaridade das estradas e atraso de pagamento de transporte prejudica alunos de Igreja Nova.

Precaridade das estradas e atraso de pagamento de transporte prejudica alunos de Igreja Nova.

 

Precariedade das estradas, atoleiros no tempo de chuva, buraqueira na seca, ônibus quebrados e dias sem ir à aula. Essa é uma realidade para estudantes e professores da zona rural de Igreja Nova que dependem do transporte escolar.

Os estudantes do povoado Chinaré enfrentam sérias dificuldades para manter frequência na escola. Nesta semana, o ônibus mais uma vez atolou, ficando todos na estrada até ser guinchado por uma escavadeira pertencente aos moradores do povoado. A situação se repete no povoado de Cajueiro e Ipiranga. Compete à Prefeitura melhorias nas estradas da zona rural.

Como se não bastasse os estudantes da Rede Estadual em Igreja Nova, estão sem o transporte escolar por falta de pagamento, e os transportadores resolveram paralisar, prejudicando os alunos que residem nos povoados circunvizinhos.

 

Dartanhan Holanda

 

 

Link
Relacionadas »

Você é a favor da retirada da BRASKEM de Maceió?

80.2%
19.8%
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...